2 de julho de 2011

CACTUS - RUFANDO OS TAMBORES, por Ayrton Jr

CACTUS AMERICANO






Um dos grandes representantes do hard rock americano dos anos 70, o Cactus teria à frente as figuras de Jeff Beck na guitarra, Rod Stewart nos vocais e a ex-cozinha do Vanilla Fudge – o baixista Tim Bogert e o baterista Carmine Appice. Mas, por conta do destino, o guitarrista britânico sofre um acidente de carro e em seguida, Rod Stewart deixa o grupo – o que faz com que sejam recrutados o vocalista Rusty Day (Amboy Dukes, a banda de Ted Nugent) e o guitarrista Jim McCarty (Mitch Ryder’s Detroit Wheels e The Buddy Miles Express).
Em 1971, a banda lança seu melhor disco: Restrictions. Vejam, ou melhor, leiam o que Bento Araújo (editor e jornalista responsável pela revista Poeira Zine) escreveu na edição 35 de seu magazine: Cozinha arrebatadora, vocais rasgados e malandros, guitarra na cara e aquele hard-blues pesado com groove bem típico dos anos 70. Pra que mais? De quebra você ainda leva pra casa a melhor versão do hino amaldiçoado “Evil”, o mantra demoníaco de Chester Arthur Burnett, conhecido também como Howlin´Wolf.
Após a dissolução do Cactus em 1972, a banda voltaria à ativa e gravaria um novo álbum de inéditas em 2006, intitulado Cactus V – com Jimmy Kunes (Savoy Brown) no vocal (uma vez que Rusty Day foi assassinado em 1982), Tim Bogert, Jim McCarty e Carmine Appice.

Nenhum comentário:

Postar um comentário